Amazon diminui ritmo e divulga lucro menor do que o esperado

  • 26/07/2019
Gigante do varejo teve 4 lucros recorde nos últimos 4 trimestres, mas desta vez o aumento foi modesto e ficou aquém das expectativas dos analistas.

A Amazon divulgou nesta quinta-feira (25) resultados trimestrais abaixo das estimativas de analistas. Nos últimos 4 trimestres, a empresa havia registrado 4 sequências de lucro recorde. No resultado trimestral divulgado hoje, porém, a alta foi mais modesta, de 3,6% em relação ao mesmo período do ano passado, com US$ 2,63 bilhões.
A empresa está sendo pressionada pela intensa competição de rivais como Walmart e por investimentos maiores em marketing e entregas mais rápidas de encomendas. Os custos de envio subiram 36% ante o ano passado, um pico se comparado aos aumentos de 20% que esse indicador havia apresentado em trimestres anteriores. Isso aconteceu porque a empresa investiu US$ 800 milhões para tornar o envio em 1 dia o padrão para assinantes do serviço Amazon Prime.
Apesar do lucro aquém do esperado, as vendas subiram cerca de 20%, para US$ 63,4 bilhões no segundo trimestre, superando estimativa média do mercado de 62,48 bilhões.
Em termos de previsão dos próximos trimestres, a Amazon espera ter vendas líquidas de entre US$ 66 bilhões e US$ 70 bilhões de dólares no terceiro trimestre. Analistas, em média, esperavam que a empresa informasse expectativa de receita de US$ 67,27 bilhões, segundo dados da Refinitiv.
O resultado levou as ações da empresa a fechar em queda de 1,35%. Antes da divulgação do relatório, os papéis da empresa acumulavam alta de 30% este ano, com uma valorização de US$ 981 milhões.

Comentários

Nenhum comentário cadastrado

Comentar